Luciano Siqueira: Muito mais do que um detalhe, decisivo

Blog do Renato

Um dos pilares do pensamento político do PCdoB — tratado com invulgar esmero, sobretudo a partir da 6ª. Conferência Nacional, em 1966, sob o regime militar —, a precisa consideração da correlação de forças permeia toda orientação partidária.

É referência essencial no Programa partidário e na linha política dele decorrente.

O Programa reafirma o rumo estratégico socialista e adota como roteiro tático um conjunto de reformas estruturais, nenhuma delas de conteúdo socialista.

Reformas progressistas que, uma vez conquistadas mediante lutas populares de grande envergadura, propiciarão dupla conquista: a elevação substancial do padrão de vida material e espiritual do nosso povo; e o enorme desenvolvimento político e organizativo das forças subjetivas vocacionadas para a condução do salto civilizatório futuro, de natureza socialista.

Essa equação, assim sintetizada, corresponde a uma precisa avaliação da atual correlação de forças no mundo e no Brasil — em que o grande capital financeiro e as modernas…

Ver o post original 232 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s