15 de março: Sem transporte e sem aulas em defesa da aposentadoria

Blog do Renato

O maior e mais movimentado sistema de transporte do Brasil, o metrô de São Paulo, vai parar 24 horas nesta quarta-feira (15) contra a reforma da Previdência. Entidades de educação pública do país prometem envolver um milhão de trabalhadores na greve geral do segmento. O alvo das manifestações é a reforma da Previdência proposta por Michel Temer.

CNTE

Essas categorias, ao lado de metalúrgicos, condutores e diversos ramos, fortalecem os protestos que acontecerão nesta quarta-feira pelo Brasil, coordenados pelas principais centrais de trabalhadores do país e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

O governo de Michel Temer quer aprovar a reforma da Previdência Social a toque de caixa. Através da Proposta de Emenda Constitucional 287/2016 Temer estabelece a idade mínima de 65 anos para homens e mulheres se aposentarem. Há ainda a exigência de 49 anos de contribuição para que o trabalhador e trabalhadora possam receber o valor…

Ver o post original 511 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s