Calar Jamais! A Comunicação na luta pela democracia em 2017 – Portal Vermelho

O enfrentamento do conservadorismo e do golpe exige ações que unifiquem amplos setores democráticos e populares em várias frentes. A construção dessa unidade só será efetivada se estiver lastreada em propostas que aglutinem a sociedade. A luta em defesa dos direitos trabalhistas, da Saúde, da Educação, da Soberania Nacional precisam se desdobrar em uma agenda política concreta. Essa é uma das principais tarefas e desafios para o ano de 2017. Por Renata Mielli

Fonte: Calar Jamais! A Comunicação na luta pela democracia em 2017 – Portal Vermelho

Anúncios

Derrotar o governo Temer e enfrentar o racismo, lutar por Diretas Já – Portal Vermelho

O ano de 2016 chega ao fim e é impossível não fazer um balanço desses 366 dias que, como um raio devastador, representaram um período de retrocessos e perdas históricas para a classe trabalhadora e para o conjunto da população, especialmente a população negra. Por Ângela Guimarães*

Fonte: Derrotar o governo Temer e enfrentar o racismo, lutar por Diretas Já – Portal Vermelho

Golpe de 2016 também quebrou as prefeituras

Blog do Renato

O caos econômico provocado por forças políticas interessadas em criar um clima de “quanto pior melhor” para permitir a derrubada de Dilma Rousseff acabou vitimando também as finanças municipais. Várias cidades se encontram em colapso fiscal, ou já estão muito próximas disso. A crise atingiu sobretudo os prefeitos de médias e grandes cidades que assumem o mandato neste domingo. A falta de recursos em “caixa” é problema de quase metade dos prefeitos em todo o país: 47,3% deixarão restos a pagar para seus sucessores; das prefeituras, 15% relataram que vão atrasar o pagamento do salário de dezembro. Crise é agravada pela falta de recursos federais para custear programas sociais.

As informações são do Valor.

Em Porto Alegre, a falta de recursos transformou-se em uma briga entre o atual prefeito, José Fortunati (PDT), e seu sucessor, Nelson Marchezan Jr (PSDB), em torno do IPTU. Com dificuldades para pagar a folha, Fortunati…

Ver o post original 304 mais palavras

Ronald Santos:  2017, ano de unidade, luta e ampla resistência  – Portal Vermelho

O confronto entre dois projetos políticos antagônicos para o país, que já vem se delineando há alguns anos, se aprofundou em 2016 com um desfecho favorável às forças conservadoras que defendem uma agenda política e econômica com ênfase na supremacia do mercado, na desnacionalização da economia, na privatização do setor público, no desmonte do Estado e retirada de direitos do povo brasileiro. Por Ronald Ferreira dos Santos*

Fonte: Ronald Santos:  2017, ano de unidade, luta e ampla resistência  – Portal Vermelho

Fiasco do Golpe: Temer aumenta desconfiança da indústria na economia  – Portal Vermelho

Um dia depois do Natal mais fraco em várias décadas, um novo indicador revela a tragédia econômica provocada no Brasil pelo golpe de 2016: o Índice de Confiança da Indústria (ICI) do Brasil caiu em dezembro para o menor patamar desde junho passado. O resultado do indicador, que recuou 2,2 pontos e alcançou 84,8 pontos em dezembro, foi divulgado nesta segunda-feira (26) pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), demonstrando que a economia brasileira enfrenta dificuldades para se recuperar.

Fonte: Fiasco do Golpe: Temer aumenta desconfiança da indústria na economia  – Portal Vermelho

Juristas, intelectuais e movimentos sociais repudiam pacote de Temer – Portal Vermelho

Em nota, juristas, intelectuais e movimentos sociais externaram apoio à nota da CTB e CUT que repudiou o pacote de maldades do presidente Michel Temer. Desde que assumiu a presidência, Temer lidera o maior desmonte dos direitos sociais e trabalhistas da história recente.

Fonte: Juristas, intelectuais e movimentos sociais repudiam pacote de Temer – Portal Vermelho

Governo Temer adota medidas para dificultar negros em concursos

Blog do Renato

O governo ilegítimo de Michel Temer publicou mais uma medida antipovo. Desta vez, a ação atinge em cheio a população negra. Os ministérios do Planejamento e da Justiça anunciaram, em portaria conjunta publicada nesta terça-feira (27) no Diário Oficial da União, que será criado um grupo de trabalho (GT) para verificar a veracidade da autodeclaração de cotistas negros em concursos públicos.

 

“A medida busca desqualificar as políticas afirmativas e acabar com elas, barrando o ingresso de negros no serviço público”, avalia a presidente da Unegro-DF.“A medida busca desqualificar as políticas afirmativas e acabar com elas, barrando o ingresso de negros no serviço público”, avalia a presidente da Unegro-DF.

Para a presidenta da Unegro do Distrito Federal e secretária de Mulher da Unegro nacional, Santa Alves, a medida sinaliza para o fim das políticas afirmativas. “A medida busca desqualificar as políticas afirmativas e acabar com elas, barrando o ingresso de negros no serviço público”, avalia, afirmando que a desconfiança explicitada na medida governamental é a prova da existência do racismo institucional.

Segundo ela…

Ver o post original 183 mais palavras