Os documentos do Guarujá: desmontando a farsa

Blog do Renato

Como os adversários de Lula e sua imprensa tentam criar um escândalo a partir de invencionices. Entenda, passo a passo, mais uma armação contra o ex-presidente.

Abril de 2005

Marisa Letícia Lula da Silva assina o “Termo de Adesão e Compromisso de Participação” com a Bancoop – Habitacional dos Bancários de São Paulo.

A cláusula 1a. do Termo de Adesão diz: “O objetivo da Bancoop é proporcionar a seus associados a aquisição de unidades habitacionais pelo sistema de autofinanciamento, a preço de custo”.

O que isso significa?

Que Marisa Letícia tornou-se associada à Bancoop e adquiriu uma cota-parte para a implantação do empreendimento então denominado Mar Cantábrico, na praia de Astúrias,  em Guarujá, balneário de classe média no litoral de São Paulo.

Como fez para cada associado, a Bancoop reservou previamente uma unidade do futuro edifício. No caso, o apartamento 141, uma unidade padrão, com três…

Ver o post original 1.459 mais palavras

Anúncios

Fim de papo: Lula mostra os documentos e prova a armação do “tríplex do Guarujá”

bloglimpinhoecheiroso

Lula_Apto_Guaruja05_Declaracao_IR Clique na imagem para ampliá-la.

Fernando Brito, via Tijolaço em 31/1/2016

Lula acabou, com antecedência, com as gracinhas do tal promotor Cássio Conserino, que o havia intimado a depor, como investigado, no arranjado “caso” do apartamento no Guarujá.

Mandou divulgar, pelo Instituto Lula, todos os documentos relativos à compra, em nome de Marisa Letícia, sua mulher, da cota na cooperativa que fez o projeto e depois o transferiu para a OAS. Até seu próprio sigilo fiscal o ex-presidente quebrou, espontânea e publicamente, publicando sua declaração de bens no Imposto de Renda do ano passado.

O patrimônio representado pela cota está declarado, tintim por tintim.

Não há ocultação do apartamento, pela simples razão que não houve compra do apartamento. E por que não houve? Porque não interessou comprar o que lhe foi oferecido.

O “crime” de Lula? Só se for ter ido “ver” o apartamento. Certamente não faltará jornal disposto a…

Ver o post original 2.002 mais palavras

Aldo Rebelo: Defesa da saúde

Blog do Renato

image

O Ministério da Defesa está preparado para contribuir no combate a uma ameaça à saúde pública no Brasil. Desta vez, o inimigo é tão minúsculo (mede meio centímetro) quanto sorrateiro (sua aproximação é imperceptível ao ouvido humano). De hábitos diurnos e voando ao rés do chão,o macho é vegetariano, mas a fêmea da espécie alimenta-se de sangue e ao picar suas vítimas pode transmitir quatro doenças, duas velhas conhecidas, dengue e febre amarela, e duas de surto mais recente, chikungunya e zika.

Conhecido desde que aportou no Brasil a bordo dos navios negreiros, o mosquito Aedes aegypti tornou-se uma praga de asas cujo extermínio suscita uma operação militar de grande porte. O Ministério da Defesa foi escalado pela presidente Dilma Rousseff para fazer essa varredura sanitária.Se jáestavamnasruasdemuitascidades, os militares agora estãoestendendo a frente debatalha a todo o território nacional, verificando locais onde há ou possa haver a ocorrência de larvas…

Ver o post original 190 mais palavras

Investigado que delatou Zé Dirceu admite que mentiu em depoimento

bloglimpinhoecheiroso

Ze_Dirceu61_Fernando_Moura_Hourneaux Fernando Hourneaux foi ameaçado antes de sua delação.

Fernando Hourneaux (foto) confessou não ter recebido orientação do ex-ministro para deixar o Brasil.

Via Correio do Povo em 28/1/2016

O empresário Fernando Moura Hourneaux, investigado na Operação Lava-Jato, admitiu na quinta-feira, 28/1, em depoimento ao Ministério Público Federal (MPF), que prestou informações falsas durante interrogatório ao juiz federal Sérgio Moro. Moura culpou o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu nas delações assinadas com o MPF. A confissão ocorreu após os procuradores abrirem procedimento para verificar se o réu quebrou acordo de delação premiada.

Aos procuradores, Moura disse que estava disposto a negar, perante Moro, as declarações prestadas nas delações. O empresário explicou que, um dia antes de embarcar para Curitiba para prestar depoimento, foi abordado por uma pessoa em Vinhedo (SP), onde mora. Segundo ele, o desconhecido perguntou sobre seus netos, que moram no Rio Grande do Sul. Diante da…

Ver o post original 440 mais palavras

Um país que protege Eduardo Cunha e persegue Lula é um país doente

bloglimpinhoecheiroso

Eduardo_Cunha_PMDB04

Paulo Nogueira, via DCM em 28/1/2016

A Lava-Jato perdeu o pudor.

O nome Triplo X, referência sibilina ao mítico “Tríplex do Lula” é um acinte. Está claro que se trata de erradicar não a corrupção, mas de caçar Lula. Fosse outro o propósito você não teria um ataque tão sistemático a Lula enquanto um homem como Eduardo Cunha borboleteia, livre para armar as delinquências em que é mestre.

Era mais honesto batizar a operação como “Caça-Lula”.

Os suíços entregaram de bandeja documentos que comprovam corrupção em níveis pavorosos de Cunha. Ele mentiu, sonegou, inventou desculpas aterradoras e usou até a palavra “usufrutuário” para tentar encobrir sua condição de dono de milhões na Suíça.

Não foi apenas isso.

Depoimentos de fontes variadas coincidiram em relatar ameaças de paus mandados de Cunha contra pessoas que pudessem dizer coisas comprometedoras contra ele.

Vídeos mostraram expressões aterrorizadas de delatores ameaçados por homens de Cunha…

Ver o post original 399 mais palavras

Tríplex no Guarujá: “Grande mídia seletiva” requenta notícia para atacar Lula novamente

bloglimpinhoecheiroso

Lula_Alvo Mídia golpista: Está a todo vapor a campanha de caça ao Lula.

Gilmar Dantas Diamantino em 30/1/2016

A história do suposto apartamento do presidente Lula se arrasta desde 2014. Em agosto de 2015, Lula entrou com ação pedindo o pagamento de R$22,5 mil ao editor Ascânio Seleme e aos repórteres Germano Oliveira e Cleide Carvalho, autores da matéria (sic) publicada pelo jornal da famiglia Marinho, que insistiram na versão, mesmo tendo visto, no Registro de Imóveis, que o apartamento não pertence a Lula ou a qualquer de seus familiares. Na época, Mariza Letícia, esposa de Lula, esclareceu que comprou uma cota do prédio em 2005, da Bancoop, paga em prestações, mas o casal decidiu não ficar com o imóvel.

Na audiência de 3 de dezembro de 2015, realizada na 46ª Vara Cível do Rio de Janeiro, onde corre a ação de Lula por danos morais, os jornalistas…

Ver o post original 429 mais palavras

Renato Rabelo: CDES: instrumento para o debate, o diálogo e a convergência 

Blog do Renato

image

O Conselho do Desenvolvimento Econômico e Social completa 13 anos de existência no próximo mês de fevereiro, criado no início do primeiro governo de Luiz Inácio Lula da Silva, em 2003. O Conselho assumiu a missão de contribuir para o desenvolvimento econômico e social do país. O CDES tem, nessas reuniões plenárias com os seus Conselheiros e Conselheiras convidados pela Presidência da República, o coroamento de debates e diálogos que também podem ser germinados por reuniões constantes de grupos de trabalhos temáticos, seminários e colóquios que poderemos realizar. 

Em sua trajetória, o CDES contribuiu na elaboração de políticas públicas que vieram a subsidiar a Presidência da República, transformadas depois em propostas estruturais para o país, em projetos e planos prioritários do governo federal. No discurso de abertura da primeira reunião plenária, o então presidente Lula sublinhou que, “Este Conselho é um instrumento de construção de soluções”. 

Agora o Conselho está…

Ver o post original 790 mais palavras