Sem a seca, o PIB teria crescido 0,7%

bloglimpinhoecheiroso

Agronegocio03

Via GGN

A queda de 1,9% na agropecuária, no terceiro trimestre em comparação com o segundo, tirou parte da força do PIB, diz matéria do jornal O Globo. Segundo economista ouvido pelo jornal, Bráulio Borges, o PIB teria crescido 0,7% e não 0,1% caso o desempenho do setor tivesse sido outro. Consultorias trabalhavam com uma estabilidade do setor para o período, o que não aconteceu por fatores como estiagem, por exemplo. Leia a matéria na íntegra.

Sem queda de 1,9% na agropecuária, PIB teria crescido 0,7% no terceiro trimestre
Estimativa é da LCA Consultores. Especialistas dizem que safra ruim de café e cana influenciaram.
Marcello Corrêa e Clarice Spitz

O tombo de 1,9% na Agropecuária no terceiro trimestre frente ao trimestre anterior surpreendeu analistas e roubou crescimento do PIB. Pelos cálculos do economista Bráulio Borges, da LCA Consultores, o PIB teria crescido 0,7% e não 0,1%, não fosse o…

Ver o post original 492 mais palavras

Anúncios

Fernando Haddad e a derrota do cinismo

bloglimpinhoecheiroso

Haddad_Positivo01Tentativa de estrangular finanças da Prefeitura de São Paulo em ano de eleição presidencial só obedeceu a interesses eleitorais.

Paulo Moreira Leite

Eleito por 55% dos votos para administrar a maior cidade do país, logo depois da posse o prefeito de São Paulo Fernando Haddad teve uma das mais justas e proveitosas ideias em matéria de finanças públicas: diminuir – e até eliminar – o IPTU pago pelos mais pobres e elevar a parcela desembolsada pelos ricos.

Mas, em dezembro de 2013, um ano depois da vitória, o Tribunal de Justiça deu uma liminar que suspendia a decisão do prefeito. Dias atrás, por 17 votos contra e seis a favor, a liminar foi derrubada.

Vale registrar em primeiro lugar, um fato político de grande relevância: graças a esta decisão, a cidade livrou-se de um ato de ditadura judicial. Não há outra palavra para definir uma medida – liminar! – que passa…

Ver o post original 1.111 mais palavras

Miséria cresceu mais em São Paulo do que em estados do Nordeste

bloglimpinhoecheiroso

Locomotiva_Tucana01A

O estado mais rico liderou, com 834 mil pessoas, o aumento do número de miseráveis em 2013; em segundo lugar está o Maranhão; e, em terceiro, o Pará. Os três estados nordestinos, Bahia, Piauí e Rio Grande do Norte, estão entre os que menos contribuíram para a estagnação da miséria em 2013, segundo estudo encomendado pela Folha. Na Bahia, o número de miseráveis diminuiu.

Via Brasil 247

Em 2013, ano em que a miséria parou de cair no Brasil pela primeira vez desde 2003, primeiro ano do governo Lula, a maior contribuição para a estagnação da queda veio de São Paulo, Estado mais rico e populoso da Federação. A conclusão é de estudo feito a pedido da Folha por pesquisadores associados ao Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade(Iets) com base nas informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios(Pnad) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Segundo…

Ver o post original 253 mais palavras

Chacina dos drones norte-americanos: Para a execução de um terrorista, 28 civis são mortos

bloglimpinhoecheiroso

EUA_Drones02 Embora os EUA digam repetidas vezes que bombardeios com drones sejam a mais eficaz das armas, há estudos que provam o contrário.

Dados publicados por grupo de direitos humanos suscita dúvidas sobre impacto de veículos não tripulados e questiona mito da “precisão”.

Patrícia Dichtchekenian, via Opera Mundi

Em cada tentativa de executar um líder terrorista, drones norte-americanos matam pelo menos 28 civis inocentes. Tal proporção ocorreu nos últimos dez anos nos seguintes países: Afeganistão, Paquistão, Somália e Iêmen, estima o Bureau of Investigative Journalism. As estatísticas foram compiladas pelo Reprieve, um grupo britânico de direitos humanos, que divulgou os dados na terça-feira, dia 25/11.

De acordo com o relatório, o método de eliminar terroristas a partir de múltiplos disparos provenientes de veículos aéreos não tripulados apresenta mais efeitos colaterais graves para os direitos humanos do que soluções em longo prazo: de 2004 para cá, 1.147 civis foram mortos…

Ver o post original 407 mais palavras

Cerca de 35% dos norte-americanos sobrevivem à base do vale-alimentação

bloglimpinhoecheiroso

EUA_Vale_Alimentacao01 Segundo a Feeding America, o fim do subsídio ao vale-alimentação afetará, principalmente, a população infantil.

Os números oficiais do governo norte-americano mostram que pelo menos 49,5% da população dos EUA recebeu algum tipo de subsídio para sobreviver até 2012. Alguns desses subsídios retirados pelo Congresso em 2013.

Via Telesur

Na semana passada, foi divulgado nos EUA um estudo revelando que, até 2012, 34,5% da população norte-americana recebeu o vale-alimentação do governo para poder sobreviver. De acordo com a estatística, pelo menos, 109,6 milhões de pessoas foram beneficiados com esse programa.

Por outro lado, o número de pessoas que receberam alguma ajuda de programas sociais do governo norte-americano – incluindo os subsídios aos desempregados e aos veteranos de guerra – totalizou 154 milhões, o que equivale a 49,5% da população.

Estes planos, que são oferecidos aos setores menos favorecidos da sociedade – hispânicos e afro-americanos em sua maioria –, foram afetados…

Ver o post original 36 mais palavras

Prefeitura de São Paulo isenta 3,1 milhões de famílias de pagamento do IPTU

bloglimpinhoecheiroso

Dilma critica insensatez política de EUA e União Europeia

Liberado pela Justiça após embargo de ação do PSDB, reajuste será maior para imóveis de alto padrão e menor para os mais humildes

Flávia Umpierre

Legenda: Prefeito Fernando Haddad, do PT: reajuste escalonado do IPTU autorizado pela justiça.

A cidade de São Paulo, administrada por Fernando Haddad (PT), conseguiu uma vitória há muito esperada: a liberação do reajuste do Imposto Predial Territorial Urbano, o IPTU. Com a medida, a taxa passa a ser cobrada de forma escalonada, com valores mais altos por imóveis em áreas nobres, e menores para a periferia.

A nova regra isenta ainda 3,1 milhões de imóveis de baixo padrão, avaliados em até R$160 mil, e de aposentados que ganham até três salários mínimos.

Na quarta-feira, dia 26/11, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) derrubou liminar que impedia, desde o ano passado, o reajuste do imposto. A alteração estava suspensa por duas ações propostas pelo…

Ver o post original 735 mais palavras

Mauro Santayana: O social e o FMI

bloglimpinhoecheiroso

FMI_FomeMauro Santayana

O que é mais importante: O bem-estar humano ou o Produto Interno Bruto? Para que serve a economia, quando ela apenas beneficia uma minoria, enquanto, em muitos países, o número de milionários cresce, mas se eleva ainda mais o índice de miseráveis?

O fim mais lógico de toda atividade humana não deveria ser melhorar as condições de vida da maioria da população, com inegável e positiva influência no ambiente econômico?

Tudo indica que o mundo assistirá a um acirramento do embate entre o “social” e o “econômico”, nos próximos anos.

Ou a uma fusão dessas duas abordagens, na implementação de uma “economia do social”, como instrumento para a promoção da prosperidade individual, coletiva e nacional, neste século.

Há algumas semanas, até mesmo o FMI, por meio de sua diretora-executiva, Christine Lagarde, destacou a importância, da permanência dos diferentes programas sociais brasileiros, tanto para a melhoria das condições de…

Ver o post original 305 mais palavras